Professora de Cachoeiro é destaque em prêmio

Image (2)

O relato de experiência da professora Geisa Nara Dias da Silva, do 2º ano fundamental da escola municipal Anísio Vieira Ramos, foi avaliado e selecionado em primeiro lugar na fase estadual do Ciclo de Alfabetização: 1º, 2º e 3º anos do Ensino Fundamental, do 11º Prêmio Professores do Brasil, realizado pelo Ministério da Educação.

A professora se inscreveu enviando um relato de prática pedagógica desenvolvida com os alunos a partir da temática: “O que tem a nos dizer as produções de textos dos alunos?”. Concorrendo com professores de todo o estado do Espírito Santo, seu trabalho ficou com o melhor conceito.

Agora, está selecionada para participar da etapa nacional, em que vai concorrer com docentes de todo o Brasil. Esse já é o segundo ano que ela fica bem colocada. Ano passado, ficou em segundo, no mesmo concurso, com o trabalho “Desenho que virou letra”.

Foco na produção de texto

A professora Geisa Nara Dias da Silva conta que o trabalho inscrito é focado em produção de texto. Ela, que é efetiva na rede desde 1998, acompanha a turma na qual o projeto foi desenvolvido desde o ano passado e tem observado as conquistas alcançadas.

“No início do ano, notei que os alunos se interessavam em escrever bilhetes para os colegas e para mim, então vi o interesse dessa comunicação na língua escrita. Entre as atividades propostas, li, para eles, um livro, o ‘Cachinhos Dourados’, de Ana Maria Machado, e sugeri que eles fizessem textos sobre as imagens. Deparei com um resultado muito pobre, sem elementos de coesão, coerência, sem fatos”, lembra.

A partir de então, ela resolveu comparar com os bilhetes, que tinham escrita mais rica, mensurar em gráficos a habilidade de cada um, desenvolvendo sequências didáticas que pudessem sanar as dificuldades apresentadas pelos alunos. As propostas também mudaram e focaram em questões mais voltadas às necessidades e peculiaridades dos alunos. O resultado mudou.

“Daí surgiu o nome: ’O que tem a nos dizer as produções de texto dos alunos?” Ao tirar o ponto de partida para as produções das imagens e começar a elaborar propostas que vinham a atender as reais necessidades de produção, eles tinham muito mais a me falar: tinham argumentos, motivação, interlocutor. O trabalho ficou muito mais rico e incluímos também visitas à biblioteca e exercícios de leitura em família", complementa.

Qualidade na educação pública

A conquista foi comemorada pela equipe da Secretaria Municipal de Educação de Cachoeiro, que tem incentivado a prática pedagógica diferenciada, focada no aprendizado e protagonismo do estudante, bem como na qualidade do ensino da rede pública.

“Essa conquista nos aponta o caminho para a busca da qualidade na educação, conforme preconiza o Plano Municipal de Educação, metas 02 e 05, pois fortalece os mecanismos de apoio a práticas desenvolvidas pelos docentes da rede municipal de ensino e fomenta as práticas pedagógicas inovadoras que asseguram a alfabetização”, acrescenta a secretária de Educação, Cristina Lens.



Outras Notícias


Seis personalidades da Cultura Capixaba receberão a Comenda Rubem Braga

São Lázaro - amigo de Cristo

Santa Cristiana, instrumento providencial

Projetos em defesa dos animais são votados

Novas academias e espaços esportivos revitalizados

Comerciantes de Itapemirim ganham Botão do Pânico para evitar assaltos

Veja os municípios do ES que estão em situação de alerta ou risco de chikungunya, dengue e zika

Agenda Verão Família 2019 de Marataízes inicia no sábado (22)

Adequações de horários em quatro linhas a partir de segunda (17)

Horário de atendimento no Banestes no fim de ano

São João da Cruz, conhecido como doutor místico

Programação musical de Natal começa nesta quinta (13)

Comércio de Cachoeiro-ES define o horário de Natal

Dona de casa tem 65% do corpo queimado em Cachoeiro

Uso de canudos plásticos é proibido em todo o Espírito Santo

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.