Deficiente intelectual é estuprado em supermercado no ES, diz polícia

Adolescente

Um adolescente, de 13 anos, com deficiência intelectual, diz que foi estuprado dentro do banheiro do hipermercado Wal-Mart, em Vitória, na noite desta terça-feira (23). O menino foi levado ao Departamento Médico Legal (DML) e realizou exames que comprovaram a agressão sexual. O consultor de negócios Fernando José Lobão, de 34 anos, foi preso suspeito do crime e foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Viana, na Grande Vitória. O advogado dele diz que o cliente nega o crime. A rede de supermercados foi procurada e informou que as imagens de videomonitoramento foram enviadas para a análise da polícia.
De acordo com o soldado Rixon, a Polícia Militar foi acionada para verificar a denúncia de estupro no banheiro do estabelecimento por volta de 18h30. “Quando chegamos ao local, o homem já tinha ido embora, mas o menino nos narrou toda a situação. O suspeito ainda fez uma reclamação formal no supermercado relatando o constrangimento que passou com a abordagem dos vigilantes. Tentando reverter a situação e se tornar a vítima no caso. Ele deixou os telefones de contato e assim chegamos até a casa dele em Vila Velha, onde ele foi detido”, contou Rixon.
O adolescente contou aos policiais que saiu da escola e foi fazer compras com o avô. Em seguida, foi ao banheiro, onde encontrou o suspeito. Os pais do menor estavam trabalhando no momento do ocorrido e ficaram desesperados ao saber que o filho tinha sido violentado sexualmente.
“Eu me desesperei, nunca pensei que uma coisa dessas poderia acontecer com o meu filho. Quando cheguei ao supermercado ele estava em estado de choque e envergonhado. Como vai ficar a vida do meu filho? Ele vai ficar abalado psicologicamente. Esse homem pode ter acabado com a vida do meu filho”, desabafou a mãe, que não será identificada.

O delegado que atendeu a ocorrência no Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de Vitória, Thiago Viana, informou que o suspeito se recusou a assinar o termo de culpa. “Vários funcionários do supermercado, o gerente, um vigilante e um fiscal viram o homem em atitude suspeita dentro do banheiro. Aqui ele se mostrou frio e muito dissimulado, recusou a assinar a nota de culpa e disse que não sabia porque estava aqui e porque a polícia queria pegar ele”, contou Viana.
A Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) informou que vai investigar se o avô do menino sabia do crime e foi conivente.
Defesa
O advogado do suspeito, Marcelo Matos, disse que seu cliente nega a suspeita de estupro. “Ele contou que estava no banheiro quando o segurança do hipermercado o acusou de estupro. Fernando se sentiu constrangido e registrou a reclamação no estabelecimento. Não houve flagrante e meu cliente foi preso erroneamente”, contou.
Marcelo Matos disse que, após o ocorrido, Fernando Lobão foi para casa e, em momento algum, o segurança disse que ele seria preso. “Meu cliente foi para o ponto de ônibus em frente ao hipermercado e, quando estava em casa, depois das 20h, ligaram para ele pedindo o endereço. Logo depois, policiais chegaram na casa dele e perguntaram se ele poderia ir até a delegacia. Fernando foi por livre e espontânea vontade, mas acabou sendo preso”, relatou o advogado.
O advogado informou que vai pedir o relaxamento da prisão e irá registrar a reclamação na corregedoria porque os policiais prenderam seu cliente sem qualquer mandado e isso, para o advogado, não caracteriza flagrante. Marcelo Matos disse ainda que espera ver as imagens do circuito interno do hipermercado para constar o que realmente aconteceu.



Outras Notícias


Incêndio em área da Suzano se alastra até Terra Indígena

Ufes projeta um déficit mensal de R$ 2,8 milhões em seu orçamento após cortes

Espírito Santo vai realizar ato em defesa da Amazônia nesta sexta (23)

Nossa Senhora Rainha

Entenda as principais mudanças da MP da Liberdade Econômica

Assunção de Nossa Senhora

Campanha vai coletar pilhas e baterias de celular usadas

Homens inférteis também podem ter filhos. Saiba como!

Polícia Militar apreende drogas, recupera motocicleta e detém homem com mandado de prisão em Cachoeiro

Ministério confirma 1.226 casos de sarampo no Brasil

Manifestantes se concentram em frente ao teatro da Ufes para ato público contra cortes na educação

Inteligência Artificial vai ajudar Governo a combater fraudes no Detran

Prefeitura consegue que Justiça reautorize Festa de Alegre

Incaper receberá um milhão de investimentos em infraestrutura até 2023

Espírito Santo confirma primeiro caso de sarampo em Cariacica

D1 Notícias ©2010-2011. Todos direitos reservados.